sábado, 21 de fevereiro de 2009
Avatar

Lupercais - Demo (1995)

1 comentários


Gênero: Punk/Pós-punk
Ano: 1995
País: Brasil (Brasília)

Lupercais - Espectros

Acredito que espectros seja a música mais famosa da Lupercais, talvez graças à Carcasse ou mesmo ao entusiasmo do público nos shows... Tem uma pegada meio Southern Death Cult... (Que o Sidney Amava!) letra com influência direta de Neil Gaiman (e dos gibis que emprestei, já que meu apelido vem do fato de encher o saco daquela galera para ler Sandman, eles achavam quadrinhos sem graça... mas aprenderam! he,he,he...). A influência do Rodrigo, baixista é grande, já que ele compôs... acreditem, ele aprendeu tocar baixo enquanto estava na banda...



Lupercais - Crônica de um morto cafajeste (Demo 1995)

Sidney adorava o escritor Charles Bukowski, quando o depravado autor de Hollywood faleceu em 1994, Antes mesmo de promover ensaios com a banda que ainda era um embrião, ele escreveu a letra (provavelmente já intencionando musicá-la depois... não sei). Notem que a letra é bem coerente com o homenageado. Acho que os dois estão tomando um porre no céu ou no inferno (se é que essas coisas existem;) e rindo pra caraio...


Lupercais - Suplicio de Bruno (Demo 1995)

Elegia é uma de minhas músicas prediletas da Lupercais, é uma homenagem a Giordano Bruno, Filosofo do século XVI que pereceu na fogueira, negando a cruz e jamais renegando sua linha de pensamento. Resgatou o Hermetismo, sendo percussor do iluminismo que viria a tomar conta da Europa decadas depois. Foi proscrito entre nobres, cientistas e religiosos, sua vida inteira uma eterna fuga entre os homens para simplesmente situar-se dentro de um universo totalmente seu.


Lupercais - Carne Criada (Demo - 1995)

Inspirado no filme Vidas Secas, visão do célebre cineasta Nelson Pereira de Oliveira acerca da obra de Graciliano Ramos, a música trata dos dizeres de uma Benzedeira, figura forte do folclore nordestino (diria de todo o Sertão e interior do Brasil). É um exercício plástico da banda em associar tais elementos à sua inspiração Post Punk!!!


Lupercais - Testamento de Caim (Demo 1995)

Essa é sensacional... eu adoro tudo nessa música, é perfeita. Extremamente soturna, com um peso sob medida... a letra é um monstro à parte. Caim é a personagem bíblica que esteve entre as mais debatidas entre nós pelos butecos do Gama. O Sidney tinha a ambição de juntar ensaios sobre esses personagens bíblicos e lançar um livro com suas notas e opiniões acerca de cada besteira ou loucura que achasse legal mencionar. Também incluiria alguns poemas sobre os que o fascinavam... Assim, somados ao Evangelho que eu escreveria e um livro sobre Demônios e suas culturas, exorcizaríamos o Cristianismo de nossas vidas... (ambição da juventude...). Outros amigos tinham também seus projetos, como Sarça, Nelson... Ah, fiquem com a música. Essa primeira Demo só tinha 05 músicas mesmo. "Eu odeio a felicidade, pois se ela fosse mesmo generosa, abraçaria os egoístas como eu!" - Sidney Paulino.

Bom, não lembro o nome do cara que fez essa resenha aí...

Eeehhh! Lupercais é uma banda de Brasília muito pouco conhecida, principalmente devido à morte precoce do vocalista, Sidney Paulino! Com relação às músicas, o Lupercais tem uma pegada bem mais punk que pós-punk. Gritos e vocal rasgado, às vezes lamurioso. Uma guitarra bem fodinha, mesclada ao baixo perfeito! Destaque para 'Carne Criada'! (porrada em rodinnha de punk!)
Tracklist:
01. Carne Criada
02. Crônica de um morto Cafajeste
03. Espectros
04. Súplicio de Bruno

05. Testamento de Caim

Download Álbum

One Response so far.

  1. Aline Alessa says:

    Tenho orgulho de ter feito parte dessa banda em sua primeira formação, desde 94/95 e de ter feito vocal c/ o lendário Sidney...valew! saudades...Aline Alessa

Leave a Reply

Link Off? Comente aqui mesmo ou na caixinha de bate papo ali do lado que a gente reposta rapidinho.

 
Ignes Elevanium © 2011 DheTemplate.com & Main Blogger. Supported by Makeityourring Diamond Engagement Rings

Poucos direitos reservados a nós e muitos para as bandas.