quinta-feira, 18 de junho de 2009
Avatar

Bethlehem - A Sacrificial Offering to the Kingdom of Heaven in a Cracked Dog's Ear

5 comentários

Gênero: Dark Metal
País: Alemanha
Ano: 2009
Comentários: O Bethlehem é a banda mais sombria e doentia que eu já escutei, muito por causa de seus vocalistas. Quase um 'best of' de vocais extremos, a lista de vocalistas que já passaram pelo Beth impressiona. Desde o sensacional Guido Meyer de Voltaire no Mein Weg (2004), até Marco Kehren, atual vocal do Deinonychus (que gravou com a banda no clássico original, de 1998) e Rainer Landfermann (da banda de Jazz/Death Metal Pavor, que gravou com a banda o mais extremo de seus discos, Dictius Te Necare de 1996) o Bethlehem reuniu sempre na banda clássicas formações de músicos incríveis liderados por vocais animalescos. Só faltava um dos maiores vocalistas do mundo no quesito insanidade, Niklas Kvarforth, do Shining. E eis então que em 2009 Niklas finalmente participa de um álbum da banda, uma regravação do clássico S.U.i.Z.i.D., um ode às energias negativas e ao desespero. Ouvir Niklas cantando em inglês, e principalmente, o Bethlehem não cantando em alemão é algo realmente estanho, mas que logo se acostuma devido ao instrumental doentio e sarcástico da banda se manter constante. O vocal de Niklas e sua interpretação das letras é absolutamente FANTÁSTICO. Acima de qualquer comparação com Marco Kehren, Kvarforth não só lidera os vocais com absoluta maestria como incrementa seu vocal que transcende os simples guturais. É impossível não se sentir tomado por energias pesadas e demoníacas ao ouvir as versões de clássicos da auto-depreciação como Gestern Starb Ich Schon Heute, Nexus e Teufelverrückt Gottdreizehn na performance incrível de Niklas. Essa resenha é mais direcionada aos já fãs da banda, aqueles que nunca ouviram Bethlehem devem o mais rápido possível ouvir álbuns como os já citados Dictius Te Necare (1996), Dark Metal (1994) e, óbviamente, S.U.i.Z.i.D.(1998). Mais que uma simples regravação, A Sacrificial... é uma das coisas mais doentias, odiosas, raivosas, desesperadas, insanas, malditas e negativas já feitas. À parte de toda a imbecilidade que ronda a fama de Niklas Kvarforth e suas peripécias na sua banda de origem, como auto-mutilação, incentivo à compartilhamento de giletes em concertos, entre outras coisas bem troos, sua capacidade vocal é inegável. É ouvir e se impressionar.

Quem quiser ouvir o álbum original com Marco Kehren, ou conhecer mais sobre a banda, acabei de atualizar a discografia da banda.


Bom, se alguém tiver alguma dificuldade ao baixar o álbum e notar que ele não tem extensão, basta escrever um ".zip" no fim do arquivo. Isso foi um erro meu, vou ver se reupo direito segunda-feira. Mas de qualquer forma é só escrever ".zip" no fim do nome do arquivo que funciona perfeitamente, foi mal gente.

Tracklist:


1.Devilcrazy God Thirteen06:26
2.Thou Shalt Kill Yourself04:06
3.Yesterday I Already Killed Myself Today04:55
4.Dead White Marten03:45
5.Through Stained Touch Of My Nemesis05:21
6.Nexus04:59
7.Lingering Fart (A Fart Standing Still)05:07
8.As I Still Puked Caulerpa Taxifolia04:29
9.Vargtimmen03:43
10.Death Is Soft Stool...02:10
11.Reflections On Dying02:01

Links:

Rapidshare
Megaupload
Zshare
Badongo
DepositFiles

5 Responses so far.

  1. Luiz says:

    PERFEITO! porra!

  2. Polako says:

    Esse cd é du CARALHOOOOOOO!

  3. Anônimo says:

    Links off

Leave a Reply

Link Off? Comente aqui mesmo ou na caixinha de bate papo ali do lado que a gente reposta rapidinho.

 
Ignes Elevanium © 2011 DheTemplate.com & Main Blogger. Supported by Makeityourring Diamond Engagement Rings

Poucos direitos reservados a nós e muitos para as bandas.