quarta-feira, 19 de janeiro de 2011
Avatar

Atari Teenage Riot - 60 Second Wipe Out

4 comentários

Gênero: Digital Hard Core/Breakcore/Techno/Industrial
País: Alemanha
Ano: 1999

Comentário: Atari Teenage Riot, é uma banda com história. Formada em 1992, foi considerada uma das maiores da música eletrônica dos anos 90, e de longe, a mais agressiva. Altamente política, eles fundiram uma música bastante eletrônica, barulhenta e com pitadas de Techno, com guitarras distorcidas, ideais anarquistas, anti-nazistas e um vocal típicamente punk. Apesar de a sonoridade da banda ter sido rotulada por muito tempo como "eletrônica" o próprio Alec Empire dizia que não era um rótulo que o Atari Teenage Riot se encaixava pelo som da banda ser "Barulhento demais".
Muitas vezes os lugares onde o Atari Teenage Riot tocava não suportavam tecnicamente as grandes distorções e o barulho feito pelo quarteto e muitos aparelhos simplesmente estouravam. Para Alec Empire o som do Atari Teenage Riot poderia ser chamado de "Riot Sound" (algo como som de revolta) e a canção do ATR gerava sempre tumultos.


Em 1999 em Berlin (cidade natal da banda) houve um grande tumulto envolvendo centenas de fãs do grupo e a policia local. O grupo chegou até a ser investigado pelo Verfassungschutz, uma repartição do serviço secreto alemão que investiga grupos que representam perigo para a sociedade. O Atari Teenage Riot chegou até ser preso em outra apresentação em Berlin, por terem "incitado as pessoas à violência" durante uma passeata anti-nazista em 1° de maio. A banda estava tocando a canção "Revolution Action" em um caminhão estacionado no meio do evento quando de repente começou uma briga entre a polícia e os manifestantes, que totalizavam cerca de 30.000 pessoas.


Uma das últimas apresentações do ATR foi no Brixton Academy em Londers um dos shows mais extremos do grupo. Carl Crack teve um ataque de pânico durante o vôo para Londres provavelmente devido ao seu envolvimento com drogas. Hanin Elias também teve problemas na Turnê e a banda se encontrava em um estado psicológico deplorável. Em 9 de setembro de 2001, Carl Crack acabou sofrendo uma overdose e morreu aos 30 anos de idade. Carl sempre teve muitos problemas psicológicos desde sua adolescência. Após a morte de Carl a banda não se reuniu de novo. Hanin Elias partiu para trabalhar em seu projeto solo, assim como Alec Empire e Nic Endo (esses dois últimos continuam trabalhando juntos).

Tracklist


1."Revolution Action" (Alec Empire/Hanin Elias) – 4:09
2."By Any Means Necessary" (Empire) – 2:38
3."Western Decay" (Empire) – 5:50
4."Atari Teenage Riot II" (Empire) – 6:08
5."Ghostchase" (Empire/Elias) – 4:34
6."Too Dead For Me" (Empire/Elias) – 4:17
7."U.S. Fade Out" (Empire) – 2:52
8."The Virus Has Been Spread" – 1:15
9."Digital Hardcore" (Empire) – 4:11
10."Death Of A President D.I.Y.!" (featuring Dino Cazares) (Empire/Elias) – 4:43
11."Your Uniform (Does Not Impress Me!)" (featuring MC D-Stroy from The Arsonists) (Empire/David Melendez) – 5:48
12."No Success" (featuring Freestyle, Kathleen Hanna) (Empire/Elias/Melendez/Kathleen Hanna) – 3:48
13."Anarchy 999" (featuring The Arsonists, Kinetics) (Empire/Melendez/Andy Wallace/Anthony Quiles/G. Barreto/J. Perez) – 4:07


4 Responses so far.

  1. Balbino says:

    Apenas duas palavras "UMA PORCARIA" talvez eu nao tenha gostado porque nao faca o estilo atual de hoje tratando-se de musica eletronica enfim nao gostei

  2. Anonymous says:

    muiiiiiiiiito louco é por que vc gosta de eletronico de mininha seu viadinho vai ouvir alex gaudino..

  3. nameless says:

    só digo uma coisa: START THE RIOT!

  4. Anonymous says:

    @Balbino
    Sua banda favorita é Avenged Sevenfold.

Leave a Reply

Link Off? Comente aqui mesmo ou na caixinha de bate papo ali do lado que a gente reposta rapidinho.

 
Ignes Elevanium © 2011 DheTemplate.com & Main Blogger. Supported by Makeityourring Diamond Engagement Rings

Poucos direitos reservados a nós e muitos para as bandas.