quarta-feira, 3 de agosto de 2011
Avatar

Travis Barker - Give the Drummer Some

4 comentários
Gênero: Hip Hop / Rap
País: Estados Unidos
Ano: 2011

Comentário: O Blink 182 já anunciou o lançamento de um novo álbum para logo menos. Antes disso, entretanto, seu eterno baterista, Travis Barker, se enveredou nos guetos e becos para, quem diria, protagonizar um disco de Hip Hop. Give the Drummer Some pode não ser um primor, mas tem lá sua significância, conforme passo a demonstrar.
Preliminarmente, cabe ressaltar que essa não é a primeira aventura de Barker no mundo do Rap. Ele já tinha feito participações em faixas do rapper The Game, que obtiveram relativo sucesso. Mas um dos trunfos do álbum é a mensagem nele inscrita: de nada vale ficar preso a apenas um estilo. A diversificação é salutar aos ouvidos, indubitavelmente. Óbvio que tal fato não foi unanimidade: os fãs mais ávidos da sua banda desejaram o apedrejamento em praça pública, motivo pelo qual ele condenou os "malditos nazistas" - palavras dele - que não conseguem se abrir a novas vertentes musicais.
Os featurings sempre me atraíram. E esse disco é repleto deles - bons e ruins. Nomes como Tom Morello, Cypres Hill e Slash chamaram atenção e geraram muita expectativa. No caso dos dois primeiros, expectativa atendida: abrilhantaram as faixas às quais concorreram. Já o ex-guitarrista do Guns N' Roses participa de uma música bem idiota, bobinha de tudo, que mais parece uma versão mais badass de Friday da Rebecca Black (só que falando do sábado). Por outro lado, Lil Wayne e Bun B, dois nomes que me causam asco, fazem participações, até certo ponto, decentes.
Por último, aliar bateria aos beats do rap é um grande trunfo. Além disso, ter um baterista como figura principal de um disco, se não é pioneirismo desse álbum, também não é lá coisa muito corriqueira. Can a drummer get some? É o que descobriremos mais a frente. Como eu disse, não é lá uma obra de ouro do hip hop mundial, mas é, sim, digno de nota.

[ Site Oficial / MySpace / Twitter ]

Tracklist:

  1. "Can a Drummer Get Some?" (featuring Lil Wayne, Rick Ross, Swizz Beatz & Game) - 3:21
  2. "If You Want To" (featuring Pharrell & Lupe Fiasco) - 3:53
  3. "Carry It" (featuring RZA, Raekwon & Tom Morello) - 3:57
  4. "Knockin" (featuring Snoop Dogg, Ludacris, E-40 & Dev) - 4:01
  5. "Jump Down" (featuring The Cool Kids) - 3:07
  6. "Devil's Got a Hold" (featuring Slaughterhouse) - 5:53
  7. "Let's Go" (featuring Yelawolf, Twista, Busta Rhymes & Lil Jon) - 3:13
  8. "Saturday Night" (featuring The Transplants & Slash) - 3:24
  9. "Cool Head" (featuring Kid Cudi) - 4:40
  10. "Raw Shit" (featuring Tech N9ne & Bun B) - 3:19
  11. "Just Chill" (featuring Beanie Sigel, Bun B & Kobe) - 3:29
  12. "Beat Goes On" (featuring Cypress Hill) - 4:20
  13. "On My Own" (featuring Corey Taylor) - 3:45
  14. "Don't Fuck With Me" (featuring Paul Wall, Jay Rock & Kurupt) - 4:22
  15. "City of Dreams" (featuring Clipse & Kobe) - 4:47
  16. "Misfits" (featuring Steve Aoki) - 9:10



  Filesonic / Megaupload / Mediafire / Megashare

4 Responses so far.

  1. Rômulo Alexander says:

    O Travis é velhão no Hip Hop, já fez altas associações e tal. Adoro o trabalho dele na banda Transplants, que faz tipo um Rapcore. Recomendo fortemente para os interessandos.

    Quanto a este album solo dele, não gostei tanto... Achei muito "óbvio". Mas sim, digno de nota! \o/

  2. Damien Willis says:

    Não conhecia este lado dele, mas me interessei muito mais pelo lado 'rapcore', já que ele é baterista de uma banda punk e provavelmente tem muito a agregar..

    Em todo caso vou baixar este solo e conferir.

    Boa PhD

  3. Prefiro o trampo dele no Transplants com o Tim Armstrong do Rancid e tal, mas como dito esse álbum ficou meio óbvio, mas algumas musicas como a do Cypress vale apena

  4. Pedro Ferreira says:

    É então, o álbum tem vários clichezões, de fato, mas tem alguns pontos positivos. Não é um primor, mas também não é um desastre. Vale a nota.

Leave a Reply

Link Off? Comente aqui mesmo ou na caixinha de bate papo ali do lado que a gente reposta rapidinho.

 
Ignes Elevanium © 2011 DheTemplate.com & Main Blogger. Supported by Makeityourring Diamond Engagement Rings

Poucos direitos reservados a nós e muitos para as bandas.