quarta-feira, 14 de setembro de 2011
Avatar

Das Racist - Relax

0 comentários
Gênero: Alternative Hip Hop / Rap
País: Estados Unidos
Ano: 2011

Comentário: Ironia: expressão ou gesto que dá a entender, em determinado contexto, o contrário ou algo diferente do que significa; atitude de quem usa expressões ou gestos irônicos; sarcasmo. Parece que temos, aqui, uma definição bastante adequada para um grupo musical formado por dois descendentes de indianos e um afro-cubano, nascidos e radicados nos Estados Unidos, que escolheram o termo “O Racista”, em alemão, para intitular o projeto de sua lavra.

Das Racist é um emblemático grupo de Hip Hop, cujo estilo em nada se assemelha aos grandes baluartes do gênero. Estrearam no ano passado com duas mixtapes – Shut Up, Dude e Sit Down, Man – e já arrebataram uma enorme quantidade de fãs com seu estilo controvertido, espalhafatoso e nada convencional.

A produção dotada de inúmeros elementos de música eletrônica e as letras carregadas de forte tom jocoso subsistiram no mais novo lançamento do grupo, o primeiro full lenght a ser distribuído comercialmente: Relax. Uma inteligente epopeia humorística, feita por quem está determinado a incutir nas tradicionais batidas do rap uma vertente completamente nova. No que concerne às letras, estas se consubstanciam num ótimo veículo de exteriorização da veia humorística de seus autores. Além disso, uma incontável quantidade de referências – literárias, cinematográficas, filosóficas, geeks ou, até mesmo, de cultura inútil – preenche quase a totalidade das faixas. Registre-se: não é qualquer um que relaciona, num mesmo álbum, por exemplo, Agata Christie, My Bloody Valentine, Michael Jackson, Stephen Hawking, Michael Douglas, Tumblr e outros elementos tão ou mais aleatórios quanto esses.

Resumindo o seu som, nas palavras dos próprios membros, o Das Racist faz música dançante falando sobre assuntos totalmente incompatíveis com as dancefloors. A cena alternativa andava carente de novos conceitos, ideias diferenciadas e cabeças pensantes que injetassem ânimo e polêmica na cena musical. Esse álbum, indubitavelmente, se coaduna com a necessidade demonstrada. Disposição, criatividade e uma boa dose de nonsense: receita infalível para provocar frisson em público e crítica.

Tracklist:
"Relax" - 4:29
"Michael Jackson" - 4:16
"Brand New Dance" - 3:01
"Middle of the Cake" (feat. Anand Wilder) - 3:43
"Girl" - 3:23
"Shut Up, Man" (feat. El-P) - 4:32
"Happy Rappy" - 2:21
"Booty in the Air" - 3:47
"Power" (feat. Danny Brown and Despot) - 4:46
"Punjabi Song" (feat. Bikram Singh) - 3:31
"Selena" - 2:16
"Rainbow in the Dark" - 2:51
"The Trick" - 3:01
"Celebration" - 2:40


Mediafire / Mirrorcreator (Outros Links)

Leave a Reply

Link Off? Comente aqui mesmo ou na caixinha de bate papo ali do lado que a gente reposta rapidinho.

 
Ignes Elevanium © 2011 DheTemplate.com & Main Blogger. Supported by Makeityourring Diamond Engagement Rings

Poucos direitos reservados a nós e muitos para as bandas.