quinta-feira, 26 de janeiro de 2012
Avatar

Zelophilia - Lust, Loathing, & Love

1 comentários
Gênero: Experimental/ Mathcore/ Mathmetal/ Progressive/ Avant-garde
País: EUA
Ano: 2011

Comentário: Zelophilia é uma banda que parece reunir tudo que você já ouviu de mais inovador e doido no rock/metal sem soar repetitivo e de certa forma com maestria. Você se lembrará dos projetos de Mike Patton e Devin Townsend, SOAD, Meshuggah, incluindo muita influência do rock/metal alternativo, punk, death metal, pitadas de música barroca e muito mais.

Os intrumentos seguem uma linha mais mathcore/metahmetal, com toda aquela barulhenta e técnica, mas tem seus momentos de romantismo sádico, principalmente quando o vocal (com boa variação de técnicas vocais) está presente. Maravilho é a passagem dos gritos insanos para um grave solene.

Lust, Loathing, & Love é o debut e portanto não tenho muito o que informar sobre a banda, mas embora sobre-carregada de influências bem óbvias é difícil apontar algo não agradável em seu som. Me soa muito bem, músicas bem construídas onde observo uma certa relação com as bandas que citei anteriormente. Apesar disso a descrição que a banda nos deixa é essa: "Sounds like a childishly simplified, watered down combination of Meshuggah, The Locust, Dillinger Escape Plan, and Daughters".


Facebook//LastFM//BandCamp

Tracklist:
01. The Locust Plague Antarctica 01:59
02. Dancing In Bloody Leather 02:33
03. Demons & Diminished Chords 02:33
04. Deconstruction 02:53
05. Feed 01:35
06. Gentle Sleep 00:55
07. Product of Man (Not Nature) 03:21
08. The Fornicator’s Suicide Note 03:20
09. Wolves Scavenging For Crumbs 02:38
10. Scrawny Children 04:50
11. Lust, Loathing, & Love 03:29

Download (BandCamp)

One Response so far.

  1. xaropealex says:

    OOOO muito doido OOOO

Leave a Reply

Link Off? Comente aqui mesmo ou na caixinha de bate papo ali do lado que a gente reposta rapidinho.

 
Ignes Elevanium © 2011 DheTemplate.com & Main Blogger. Supported by Makeityourring Diamond Engagement Rings

Poucos direitos reservados a nós e muitos para as bandas.