quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012
Avatar

Julgue o Disco pela Capa - Volume 01

7 comentários


Um disco não é apenas música. Variados fatores constituem a identidade de um álbum, cujas manifestações dos artistas se consubstanciam em igual quantidade na produção, nas composições, na escolha da ordem das faixas e, principalmente, na capa de um disco.
Algumas artes podem ser tão boas a ponto de levantar um álbum ruim. Outras, pelo contrário, podem ser tão desprezíveis de forma a fazer um disco bom se tornar apenas tolerável. Todos nós já formamos um juízo sobre algo ou alguém apenas levando-se em conta sua aparência exterior, e é por isso que inauguramos uma nova seção no blog: Julgue o Disco pela Capa.
A ideia aqui é trazer em torno de cinco discos com capas memoráveis, divididos por temas, falando um pouco sobre cada um dos registros e, se possível, o motivo pelo qual aquela capa foi escolhida.
Pra começar, um tema bem amigável: cachorros.

PS: a ideia é trazer, a cada banner, uma obra de arte que tenha a ver com o tema. O belo e amarronzado cãozinho ali de cima é da lavra do casal Andrew Saur e Angel Sarkela-Saur, que fazem pinturas usando apenas café.





#01

Álbum: Alice In Chains - Alice In Chains
Ano: 1995

Porque está na lista: Fotografar um cachorro e metê-lo na capa de um disco é uma bela de uma obviedade. Não inova, não surpreende. Colocar a foto de um cachorro de três patas, captando perfeitamente um olhar sofrido por parte do animal, já é uma coisa a se louvar. O álbum também é conhecido como Tripod, por conta da memorável fotografia. No contexto, Layne Staley tinha acabado de retornar de uma reabilitação, que não foi exatamente bem sucedida. Talvez a ideia era mostrar que cada um tem o seu defeito, e encará-lo é necessário. Ou não.

Bayfiles


#02
Álbum: Iron and Wine - The Shepherd's Dog
Ano: 2007

Porque está na lista: Sam Beam, a figura por trás do Iron and Wine, é um cara excêntrico e, acima de tudo, polivalente. A pintura da capa foi feita pelo próprio artista, que entrou na escola de artes e acabou se direcionando para fotografia e cinema, antes de embarcar no mundo musical, por, segundo ele, se comunicar intuitivamente por imagens.

Bayfiles

#03
Álbum: Reel Big Fish - Everything Sucks
Ano: 1995

Porque está na lista: Ok, venhamos e convenhamos, a qualidade da fotografia e a apresentação do conteúdo da capa não são lá das melhores. O disco de estreia dos expoentes do Ska, Reel Big Fish, no entanto, é um dos mais perfeitos casos de sincronia entre o nome e a capa do disco. Afinal, não haveria de estar passando nenhum pensamento muito diferente disso pela cabeça da pequena asiática naquele dolorido momento.

Bayfiles

#04
Álbum: Weezer - Raditude
Ano: 2009

Porque está na lista: A posição e a cara desse canino são impagáveis. Isso, de per si, já lhe garantiria um lugar na lista. Mas este não é o único motivo. O Red Album, que o Weezer lançou anteriormente a este, se mostrou bastante ligado com o mundo da internet, tendo, inclusive, sido lançado um clipe, da música Pork and Beans, com uma mistura de vários vídeos virais de sucesso. Tendo sido o nicho lucrativo, a banda resolveu, antes de lançar seu registro subsequente, liberar a capa, incitando os fãs a inserirem o cãozinho saltitante nas situações que suas imaginações determinassem. Alguns resultados foram hilários.

Bayfiles

#05
Álbum: Johnny Cash - American Recordings
Ano: 1994

Porque está na lista: American Recordings é o primeiro álbum da gravadora de mesmo nome depois que abandou a alcunha de Def American. A estreia não poderia ser melhor: um monstro da música, em versões modernizadas de seus clássicos. Um cara tão imponente como Johnny Cash. Rodeado por dois cães atentos, igualmente firmes na postura. Se isso não é motivo suficiente para uma capa ser memorável, eu não sei o que mais é.

Bayfiles

7 Responses so far.

  1. Damien Willis says:

    Aprovadíssimo

  2. Muito bom! Ansioso pelos próximos!

  3. Caesaraugustus says:

    Muito bom! Sugiro também Animal Magnetism dos Scorpions.

  4. Matheus Henrique says:

    Qual destes é o melhor? Ficou fortemente inclinado ao Johnny Cash. Mas o Alice In Chains não fica tão pra trás

  5. Piero De Larocky says:

    Nossa, que post maravilhoso! Faz mais ae!!!

  6. Anonymous says:

    A capa do Mellon Collie, dos Smashing Pumpkins.
    Dados do Wikipedia:

    "Artwork
    Art direction for the album is credited to Frank Olinsky and Billy Corgan. The actual illustrations are digital collages put together by John Craig. The design for the album cover was inspired by a combination of the face from the painting Fidelity by Jean Baptiste Greuze and the body from the painting Saint Catherine of Alexandria by Raphael.
    Additional links that are cited in the above:"

    Jean-Baptiste Greuze - Wikipedia, the free encyclopedia
    http://en.wikipedia.org/wiki/Jean_Baptiste_Greuze

    Saint Catherine of Alexandria (Raphael)
    http://en.wikipedia.org/wiki/Saint_Catherine_of_Alexandria_%28Raphael%29

    Raphael
    http://en.wikipedia.org/wiki/Raphael

    http://en.wikipedia.org/wiki/Mellon_Collie_and_the_Infinite_Sadness

    http://gardenofpraise.com/artprint75.htm

    http://en.wikipedia.org/wiki/Saint_Catherine_of_Alexandria_%28Raphael%29

    ----------------------------------------

    A arte do Nobody's Daughter, do Hole.

    http://img274.imageshack.us/img274/8470/mcischan3ja.jpg
    http://www.cifraclub.com.br/cifraclubnews/uploads/2010/03/albumCover_front1.jpg
    http://www.cifraclub.com.br/cifraclubnews/uploads/2010/03/albumCover_back1.jpg
    http://en.wikipedia.org/wiki/Marie_Antoinette
    http://en.wikipedia.org/wiki/Anne_Boleyn

    Troglô

Leave a Reply

Link Off? Comente aqui mesmo ou na caixinha de bate papo ali do lado que a gente reposta rapidinho.

 
Ignes Elevanium © 2011 DheTemplate.com & Main Blogger. Supported by Makeityourring Diamond Engagement Rings

Poucos direitos reservados a nós e muitos para as bandas.