terça-feira, 17 de abril de 2012
Avatar

Gorod - A Perfect Absolution

0 comentários

Gênero
: Technical Death Metal
País: França
Ano: 2012

Comentário: Não é surpresa os franceses do Gorod, banda formada em 2005 em Bordeaux, lançarem um álbum incrivelmente bom. Mas A Perfect Solution é simplesmente o melhor disco que eu já ouvi dos caras, e acreditem, isso é muita coisa, ainda que a banda esteja lançando somente seu quarto full-lenght. Quem conhece sabe, o esquema aqui é velocidade e técnica, só que com um diferencial que faz do Gorod e algumas outras bandas do gênero excepcionalmente cativantes: saber medir aonde é mais importante o feeling do que simplesmente centenas de notas por segundo. E quando isso é feito na medida certa em conjunto com a técnica e precisão de todos os integrantes da banda, é quase impossível não sair uma jóia como essa.

Todos os membros da banda são excelentes músicos, é bastante difícil algum se destacar em meio a toda essa chuva de técnica, mas o ponto forte do grupo são os riffs dos guitarristas Mathieu Pascal e Nicolas Albeny. Os caras misturam riffs tipicamente 'clássicos', digamos assim, do Technical Death (a lá Death ou Atheist) com muito bem manjadas e empolgantes sessões grooveantes com ajuda dos bumbos duplos e do baixo, este que como em muitas bandas de Technical Death Metal tem papel importantissimo na sonoridade da banda. Isso ainda com muitos solos - a banda usa e abusa de trechos totalmente instrumentais, certas músicas tem pouquissimo vocal - influenciados por desde jazz até notas bem latinas ou inspiradas no rock clássico (se acha isso estranho, coloque um bom fone de ouvido e preste bem atenção nos solinhos, vale a pena pela riqueza de influencias em cada um). E ainda tem o fato que músicas como "Elements And Spirit", apesar de serem extremamente técnicas, conquistam com trechos até relativamente simples, mas muito bem encaixados. E essa faixa mostra bem até onde vai o álbum: nela temos até um pequeno trecho com vocais limpos, algo que volta a acontecer em alguns pontos do disco.

Os vocais, como disse, ficam bastante em segundo plano devido a todo o instrumental absurdamente inspirado do disco, mas compensam isso sendo totalmente versáteis, desde guturais bem graves até rasgados, passagens limpas bastante inspiradas e alguns trechos spoken word. O vocalista Julien "Nutz" Deyres aguenta bem o tranco de toda a velocidade do álbum também berrando as letras com uma precisão incrivel acompanhando os compassos nem sempre totalmente simétricos das faixas, e isso é algo que eu sempre acho extremamente interessante no Technical Death Metal, não é fácil ter fôlego pra acompanhar as viradas de bateria do estilo, mas Julien não só consege isso como chama a atenção pra si em diversos momentos.

Finalizando uma resenha na qual não consegui deixar de ser longo, A Perfect Absolution é um álbum absurdamente cativante, inspirado, moderno e ousado mas sem perder a influencia inegável dos monstros do estilo como Death, Atheist e Cynic. Sinceramente, obrigatório aos fãs do gênero pela exímia capacidade dos músicos de usar a técnica em favor do feeling. Uma aula. Sem mais.

Site Oficial

Tracklist:

1.Birds of Sulphur 04:15
2.Sailing Into the Earth04:57
3.Elements and Spirit 05:09
4.The Axe of God 03:48
5.5000 at the Funeral 05:55
6.Carved in the Wind 06:21
7.Varangian Paradise 04:35
8.Tribute of Blood 04:03

OS LINKS FORAM REMOVIDOS POR PRESSÃO DA DMCA
MESMO ASSIM O POST CONTINUA COMO RECOMENDAÇÃO.

Se ainda resta alguma dúvida, manjem esse esporro ultra técnico e grooveado e acabem com ela:

Leave a Reply

Link Off? Comente aqui mesmo ou na caixinha de bate papo ali do lado que a gente reposta rapidinho.

 
Ignes Elevanium © 2011 DheTemplate.com & Main Blogger. Supported by Makeityourring Diamond Engagement Rings

Poucos direitos reservados a nós e muitos para as bandas.