quinta-feira, 19 de abril de 2012
Avatar

Obscura - Illegimitation

0 comentários
Gênero: Technical Death Metal
País: Alemanha
Ano: 2012

Comentário: Nessa onda de lançamentos maravilhosos, trago uma coletânea da banda alemã Obscura de Munique, devidamente discriminada assim, já que existem 2 bandas homônimas com carreiras consolidadas,uma equatoriana, e a outra de Jübek, tambem na Alemanha, o que pode causar algum mal entendido. Esse banda que vos posto conta com 3 full-lenght, e em março desse ano deu vida a essa compilação que conta com canções de demos anteriores e que não foram aproveitados nos discos, além de 3 covers. Esse disco é um caça-níquel ao pé da letra. Os integrantes da banda mantem um site onde os fã podem comprar coisas para angariar grana para o novo disco. As ofertas que vão de 5 dólares pelo download do cd, a 1200 doletas, que dão direito a várias regalias, como além do cd autografado e camisa, 2 ingressos para um show, com direito a encontro com a banda, com jantar e agradecimento no encarte do próximo álbum, além de regalos como baquetas, peles de bateria e palhetas. O endereço para você cooperar com a banda é esse aqui.  

Avaliar o intrumental é algo muito ingrato nesse trabalho, já que se trata de uma mescla dos trabalhos da banda de 2003 a 2011, e somente o vocalista/guitarrista Steffen Kummerer continua na banda entre os fundadores. É visível uma mudança na criação dos riffs de guitarra, sendo que Armin Seitz, o guitarrista que gravou a demo "Illegimitation" tem os riffs mais complexos e rápidos, e o guitarra que gravou as outras faixas, Christian Münzner (guitarrista do Spawn of Possession), tem uma cadência mais old school, no real sentido da palavra, não sendo pior nem melhor, apenas diferente, evidenciando as influências de cada um. A cozinha é muito correta, sem um destaque que mereça citação, baixo acompanhando a guitarra no arroz com feijão, com alguns lampejos, e a bateria comendo e cadenciando quando necessário, e mesmo as canções sendo gravadas por musicos diferentes, não se nota uma diferença gritante, sendo ambos os musicos da cozinha muito bons. O vocal é competente, alternado entre o gutural e o rasgado, e se observa uma evolução natural esperada com o passar dos anos, com encaixes mais precisos.

Esse trabalho conta com as 4 primeiras faixas da demo "Illegimitation", já citada acima, de 2003. As 3 seguintes são canções gravadas em 2006 para o disco "Cosmogenesis" de 2009, sendo que só a "Incarnated" entrou no álbuns, as outras 2 são sobras de estúdio. As últimas 3 são covers dos grandes pais do estilo. As músicas da primeira demo trazem uma banda mais rápida, mais direta, com pouca variação ritmica, sendo a "Immanent Desaster" a que ilustra melhor essa fase, sendo veloz, furiosa e direta, como um soco, como deve ser. Da segunda parte, entram as faixas mais old school, mais cadenciadas, com destaque para a brilhante "Headworm", com riffs contundentes, bateria precisa e vocal perfeito, mostrando uma evolução natural. Os covers são um capitulo a parte. O cover do Atheist é o melhor, é bem fiel e não compromete. A música do Death parece que foi feita e produzida nas coxas, com uma sujeira que na minha opinião foi equivocada, tentando dar um ar meio vintage. Já o cover da banda Cynic é risível, ao contrário da cover do Death, nessa música os caras querem ser mais modernosos que a banda original, mas se perdem com umas distorções estranhas e um efeito no vocal limpo que chega a ser bizarro, sendo o ponto negativo do cd. Merece o destaque a produção do cd, que é linear, e mesmo que remasterizado, foi feito com muita competência, fazendo o ouvinte que não conhece a origem do trabalho, pensar que esta ouvindo musicas gravadas no mesmo estudio, na mesma época, tamanha a coerencia da produção.

Esse álbum vale o download para conhecer a banda desde a sua origem, sua evolução e influências. É sim aquém dos full-lenghts gravados pelos irmãos do gênero de Technical Death nesse ano, mas tem uma ressalva de ser uma coletânea. Para fãs e pra quem quer ouvir um bom Death Metal, baixem sem medo, mesmo se tratando de uma fase passada da banda, é milhões de vezes melhor que muita coisa que se intitula Tr00 por ai.


Tracklist:
1....and All Will Come to an End - 03:01
2.Crucified - 04:26    
3.Fear - 04:39    
4.Immanent Desaster - 06:02    
5.Incarnated - 05:22
6.Open the Gates - 02:43    
7.Headworm - 04:46    
8.Flesh and the Power it Holds (Death cover) - 08:14
9.Piece of Time (Atheist cover) - 04:29
10. How Could I (Cynic cover) - 04:51

Download:

 

Leave a Reply

Link Off? Comente aqui mesmo ou na caixinha de bate papo ali do lado que a gente reposta rapidinho.

 
Ignes Elevanium © 2011 DheTemplate.com & Main Blogger. Supported by Makeityourring Diamond Engagement Rings

Poucos direitos reservados a nós e muitos para as bandas.