quinta-feira, 3 de maio de 2012
Avatar

Magnum - Kingdom of Madness

0 comentários
Gênero: Hard Rock, Progressive Rock, Classic Rock
País: Inglaterra
Ano: 1978

Comentário: Magnum é uma dessas bandas que possuem o som bastante característico de sua época setentista. Devo admitir que dentre as bandas da época prefiro as que possuem um som progressivo mais apegado a experimentalismos e avant-gardices, porém, Magnum não deixa a desejar.

Desde 1972, apenas dois membros continuam imutáveis na banda, que está na ativa até os dias de hoje, são eles Bob Catley, que também possui carreira solo, e o guitarrista e principal compositor da banda, Tony Clarkin. O grupo, que começou como uma banda que tocava regularmente nas noites de uma casa noturna, era formada, inicialmente, por músicos sem outro emprego mais "seguro", que aos poucos foram galgando notoriedade, com muito esforço e dedicação dos membros. Após seis anos gravando demos e buscando se consolidar, a banda finalmente lança o seu primeiro álbum, que é este que vos mostro.

Kingdom of Madness é um álbum bastante atrativo para os amantes do rock clássico setentista com uma pegada progressiva. Em 1978, inclusive, no ano de lançamento do álbum, a banda fez turnê sob o apoio de David Coverdale. Vale salientar que, apesar do álbum ter sido lançado em 1978, as músicas já haviam sido gravadas desde 1976 e já estavam na boca da "galera do rock" na Inglaterra, e isso, obviamente, foi muito oportuno para uma disparada nas rádios.

As letras são bem interessantes, abordando desde filosofia até misticismo/ocultismo e eu, particularmente, notei uma pitadinha de pessimismo. Quanto às músicas, a que eu mais gosto de ouvir é a faixa título, Kingdom of Madness. É uma música que tinha todos os elementos para emplacar de vez nos ouvidos do grande público, com riffs pesadinhos (tenho medo de usar esse termo) e refrão grudento, sendo, inclusive, uma daquelas músicas que gostam de ficar tocando na sua cabeça, mesmo que você não queira, exatamente. A faixa inicial, In the Beginning, a maior do álbum, é muito interessante também, acho que a mais "progressiva" do disco. É óbvio, que, em se tratando do gênero e da época, baladinhas não poderiam ficar de fora, como é o caso de Universe, bem como também não se poderia deixar de fora as mais "rock'n'roll", no caso, a Baby Rock Me. Dá pra notar que é um disco que visava atender às exigências dos ouvintes do bom e velho rock'n'roll. Este não foi, porém, o álbum de maior sucesso da banda, (o que atingiu esse posto foi, na realidade, o Chase the Dragon, o terceiro álbum, lançado em 1982, e que contém os "maiores sucessos" da banda) mas é um álbum fundamental pra quem está à procura de um bom Hard Rock com influências progressivas.

Este não é o tipo de postagem que eu irei sempre fazer, porém, notei que quando o Forba perguntou no twitter qual era o estilo que os leitores (e baixadores) queriam ver, foi muito citado o rock/metal clássico, daí resolvi dar minha contribuição, com algo que se encaixe dentro dos meus requisitos de qualidade (ui!). Espero que venha a calhar. =)


Site//LastFm

Tracklist:

1. In The Beginning - 7:52
2. Baby Rock Me - 4:05
3. Universe - 3:45
4. Kingdom of Madness - 5:25
5. All That Is Real - 3:48
6. Bringer - 4:58
7. Invasion - 3:22
8. Lords of Chaos - 3:21
9. All Come Together - 4:52


Links:

RapidShare//MegaShares//BayFiles


Se ainda está em dúvida, assista ao vídeo:

Leave a Reply

Link Off? Comente aqui mesmo ou na caixinha de bate papo ali do lado que a gente reposta rapidinho.

 
Ignes Elevanium © 2011 DheTemplate.com & Main Blogger. Supported by Makeityourring Diamond Engagement Rings

Poucos direitos reservados a nós e muitos para as bandas.