sexta-feira, 12 de outubro de 2012
Avatar

Freaky Age - Living In Particular Ways

1 comentários
Gênero: Alternative Rock / Indie Rock
País: Bélgica
Ano: 2010

Comentário: A princípio, Living In Particular Ways não apresenta nada de novo, afinal, esse post está dois anos atrasado e temos um leque tão grande de bandas nesse mesmo estilo, que é quase impossível que alguma realmente inove, mas mesmo assim, esse belo álbum servirá muito bem aos portadores da Síndrome de Underground.


 O uso das duas guitarras e o vocal inflexível --já caracteríscos ao indie rock-- trazem a involuntaria lembrança (e comparação) a outros grandes nomes do gênero; como o (antigo) Arctic Monkeys --onde até o sotaque se assemelha-- e, particularmente, The Kooks.
 No entanto, Freaky Age cria suas artimanhas de maneira a afastar tal pensamento, como as constantes mudanças de tempos que provém ao vocalista, Jenny Crabbe, o charme de arrastar, gravemente, as notas ao longo do disco.
Infelizmente, o baixo de Wouter Van den Bossche se faz menos criativo, imergindo ao fundo em clímax de canções como Exciment in the Morning Light e apenas emergindo durante a calmaria. Talvez uma maior participação do mesmo fosse um bom diferencial.


Never See the Sun Fire and the Lights mostram o que há de melhor no quarteto bélgico: riffs contagiantes e extremamente bem compostos mistos à mini solos. As seguintes faixas, Hard to Believe e Little Late, também merecem destaque por se mostrarem boas candidatas à playlists do gênero.
It Ain't Right, por sua vez, explora o lado ska-punk, já visível na maior parte das faixas; que seguido de After All e, mais a frente, Answering Machine, consagram a segunda metade deste álbum.

 Contudo, o grupo acaba por fazer mais do mesmo e, consequentemente, torna o disco um tanto quanto enjoativo para que se coloque-o em repeat. Portanto, a partir da segunda ou terceira audição, a minha solução particular a isso foi descartar algumas canções que não apresentam nada de novo, como The Racing Horse, Town's Don't Sleep e Rich Believers; evitando assim a fadiga musical.

Tracklist:
1. "Exciment in the Morning Light" - 3:23
2. "The Dreamer" - 2:37
3. "Never See the Sun" - 2:52
4. "Fire and the Lights" - 2:59
5. "Hard to Believe" - 2:33
6. "A Little Late" - 3:26
7. "The Racing Horse" - 3:27
8. "It Ain't Right" - 2:49
9. "After All" - 3:36
10. "Towns Don't Sleep" - 2:54
11. "Rich Believers" - 1:48
12. "Answering Machine" - 3:29
13. "Play" - 2:40

Download:

One Response so far.

  1. Luan says:

    Bom album, excelente resenha

Leave a Reply

Link Off? Comente aqui mesmo ou na caixinha de bate papo ali do lado que a gente reposta rapidinho.

 
Ignes Elevanium © 2011 DheTemplate.com & Main Blogger. Supported by Makeityourring Diamond Engagement Rings

Poucos direitos reservados a nós e muitos para as bandas.