sábado, 23 de fevereiro de 2013
Avatar

Porco na Cena #20 - Bela Infanta + Infraaudio

1 comentários

Mais uma noite de Post Rock em São Paulo! E novamente acompanhada de muita chuva e mormaço, na sexta-feira tardia de verão. É o segundo evento organizado pelo The Blog That Celebrates Itself que eu acompanho - o primeiro que eu compareci, ocorrido ano passado, entre outras bandas, também contava com a presença dos joinvilenses do Bela Infanta.

Uma das coisas que eu mais tenho gostado de conhecer nos shows alternativos de São Paulo é o local de show. Desta vez, na tal da Casa do Mancha, realmente parecia ser a casa de alguém, transformada com pinturas, cartazes e balcões em um local bem agradável e propício para bandas undergrounds. Um evento anterior a esse, desta vez de noise e drone (numa tal de ''Casa Fora do Eixo'') era ainda mais interessante: um lugar bastante amplo com duas casas, sendo a segunda e mais adiante totalmente coberta por desenhos, cartazes, assinaturas e rabiscos, o que eu julgo terem sido feitos pelos que comparecem naqueles lados. É algo que torna o mundo da música alternativa muito atraente.

Enfim, o local do show se situava na Vila Madalena, mais ou menos perto do lugar do evento. Relativamente fácil de achar, já que ficava entre o cruzamento da Fradique Coutinho com a Cardeal Arcoverde, e isso significa que a região era rodeada de metrôs. Papo de paulista.


INFRAAUDIO


Conheci a banda de supetão pelo Facebook e ouvi parcamente uma ou duas músicas antes de rumar pra Casa do Mancha, então mal sabia o que esperar dos músicos; porém seu videoclipe Um Riff de Entrada me pegou desprevenido! Uma baita música, que eu esperava ouvir na sexta. Pois bem, simbora pro show! Já passavam das oito da noite quando a banda entrou em cena: os aparatos bem posicionados sob uma luz verde que, nas fotos, criava feixes claros de luz. 

O som da banda vaga entre o Post Rock compenetrado e introspectivo, cheio de clichês do gênero, mas que funcionam muito bem com os trechos mais enérgicos que volta e meia figuram sob a forma ora de algo mais ''hardcorizado'', com algum minimalismo, ora como um rock alternativo com vocais berrados e uma bateria mais ativa. E por falar em bateria, o integrante original das baquetas estava com o bendito pé machucado, por essa razão havia outro músico em seu lugar.

Apesar de algumas belas desafinadas dos vocais (ok, às vezes dão um charme, mas nem tanto desta vez), a performance da banda foi relativamente impecável, com direito à guitarra indo ao chão na metade do show. Resumindo: belas melodias de guitarra, um baixo pulsante e bem construído e muitos, muitos pedais.

Setlist:

1- Sonhos Estranhos para Pessoas que não Dormem
2- Nada Além, Dalí
3- Naipe Hector Bonilla
4- Vivendo Solta 
5- 800 Milisegundos

BELA INFANTA


Como tinha dito antes, é a segunda vez que vejo a banda ao vivo em suas frequentes passagens por São Paulo. Apenas alguns minutinhos após o Infraaudio deixar o palco, a banda entra em cena e com poucas apresentações dá-se início ao show. Num clima intimista, regada ao ambiente de amigos, de penumbra e fumaça, o som etéreo da banda combina muito bem; um post rock mais alternativo ainda que minimalista, algumas texturas de teclado aliadas aos pedais de guitarra e baixo deixam o resultado final do som bastante interessante - e cantado na língua tupiniquim!

Quanto à performance da banda, é bastante tímida e reclusa, com alguns poucos olhares atravessados ao público e algumas palavras ditas entre uma música e outra, que terminam de dar ao ambiente aquela aparência de ''show de amigos para amigos''.

E é dessa forma que mais uma noite se encerra no lado alternativo de São Paulo, mostrando como a cena tem se fortalecido tanto em público como em artistas.


One Response so far.

  1. Tenho uma imensa vontade de ver o Bela Infanta e outras bandas de Shoegaze nacional, mas infelizmente, o rio de janeiro não tem uma cena presente pras essas bandas se criarem. Uma pena!

Leave a Reply

Link Off? Comente aqui mesmo ou na caixinha de bate papo ali do lado que a gente reposta rapidinho.

 
Ignes Elevanium © 2011 DheTemplate.com & Main Blogger. Supported by Makeityourring Diamond Engagement Rings

Poucos direitos reservados a nós e muitos para as bandas.