sexta-feira, 29 de novembro de 2013
Avatar

Camille - Le Sac Des Filles

0 comentários
Gênero: Chanson, Indie
País: França
Ano: 2002

Comentário:
Camille Dalmais é uma das cantoras francesas que tive o prazer de descobrir recentemente.  Mexendo, pesquisando, procurando, em busca de conhecer mais sobre musica francesa, acho ali “Le Sac Des Filles”, primeiro disco de Camille que se mostra um ótimo disco de estreia. É bem difícil ouvir o disco e não se encantar com o carisma que ela demonstra ao cantar, difícil também não se apaixonar pelas melodias bem feitas, que acompanham a voz de Camille perfeitamente.

Logo em “1, 2, 3”, que é a musica de abertura, é possível perceber que o disco é apaixonante, começando com uma canção de caixinha de bailarina, ela é curta, mas saborosa, passando de um simples teclado para um acordeão inspirando tango, até o momento que os instrumentos dançam junto à voz. Uma musica curta, mas é o suficiente para acreditar no potencial do disco.

“Paris” surge como uma despedida a paris, marcada por um maravilhoso arranjo que faz da musica uma dança boa de acompanhar, com direito a sapateado no meio. “Les Ex” começa com um sopro influenciado pela musica barroca, mas logo da lugar ao violão que marca a musica até o fim.

“Le Sac Des Filles” se revela um disco muito doce de se ouvir, a cantora, que já gravou com o nouvele vague, esbanja talento aqui mostrando musicas bem estruturadas e uma ótima voz e vinda de uma terra que sempre mostra grandes artistas, ela merece tal destaque no cenário.

Tracklist:
1. 1, 2, 3
2. Paris
3. La Demeure D'un Ciel
4. Les Ex
5. Mon Petit Vieux
6. Ruby
7. Le Sac Des Filles
8. Un Homme déserté
9. Je Ne Suis Pas Ta Chose
10. Elle S'en Va
11. Là où je Suis née

Download: Mega / 4shared / Megashares / Solid / Sendmyway

Leave a Reply

Link Off? Comente aqui mesmo ou na caixinha de bate papo ali do lado que a gente reposta rapidinho.

 
Ignes Elevanium © 2011 DheTemplate.com & Main Blogger. Supported by Makeityourring Diamond Engagement Rings

Poucos direitos reservados a nós e muitos para as bandas.