terça-feira, 3 de dezembro de 2013
Avatar

Evile - Skull

1 comentários
Gênero: Thrash Metal
País: Inglaterra
Ano: 2013

Comentário: Esta brutalidade sonora foi herança de meu grande amigo e ex-upador Násser, quem nos presenteou ano passado com a belíssima Discografia de Evile. Banda, esta, que traz a peculiaridade de resgatar o Thrash Metal perdido lá nos anos 80. E para os novatos como eu, já digo que, para quem ouve a banda pela primeira vez, será inevitável à comparação ao Metallica, sobretudo devido ao timbre do vocalista Matt Drake. No entanto, à medida que as músicas passam e reaparecem no inevitável replay – afinal, é muita quebradeira para se ouvir só uma vez! –, você meio que acaba se acostumando e encontrando a idoneidade da banda!

Lançado em Maio deste ano, Skull é o quarto álbum da banda e aparece entre um dos álbuns mais bem produzidos da banda e digo isso levando em consideração o primeiro álbum, cujo vocal mais irrita que agride! Para quem é um ogro das antigas e curte o feijão com arroz bem feito, mas gosta de acrescentar/inovar Skull é o álbum do ano. Afinal, apesar de figurar como um álbum do Thrash Metal Classicão, Skull tem variações mais evidentes dentro do gênero (o que de algum jeito também é uma característica de Evile).

Começa com uma porrada no ouvido de Underworld e segue selvagem até a faixa nº5 – Tomb –, uma quase baladinha que deixa 7 minutos para você respirar e prepara o terreno para faixa seguinte, Words of the Dead, música esta com uma guitarra mais caótica e uma expressão maior do baixo. A partir daí o peso uniforme com as inúmeras variações de ritmos dentro de uma mesma música continuam até a apoteótica A Sinister Call que, em suma, é o "prelúdio desgraçado do fim" (destaco a ambiguidade destas palavras devido à introdução instigante da música e, em minha humilde opinião, uma das melhores do álbum, da qual fora encaixada perfeitamente para encerrar o álbum)!

Apesar de passar longe de uma especialista no assunto, sempre achei o Thrash Metal um gênero musical firulento, muito embora seja essencialmente bruto/cru, ou seja, para mim que descendo dos instrumentos sampleados e subjugados a sintetizadores, esbarrar nos engates estruturais ritmados provocados pelas guitarras de base frenéticas acompanhadas dos bumbos ritualísticos e furiosos de bateria auxiliados por linhas duras de contrabaixo, onde o vocalista se cala àquela guitarra presunçosa que emerge solando, de uma maneira geral, Skull é devastador!

Site / Myspace / Lastfm ]

Tracklist:
01. Underworld
02. Skull
03. The Naked Sun
04. Head Of The Demon
05. Tomb
06. Words Of The Dead
07. Outsider
08. What You Become
09. New Truths Old Lies
10. A Sinister Call (Bonus Track)

Download: Mega / 4shared

Faixa 02: Skull

One Response so far.

Leave a Reply

Link Off? Comente aqui mesmo ou na caixinha de bate papo ali do lado que a gente reposta rapidinho.

 
Ignes Elevanium © 2011 DheTemplate.com & Main Blogger. Supported by Makeityourring Diamond Engagement Rings

Poucos direitos reservados a nós e muitos para as bandas.